Buscar

uma nova fase


Rio de Janeiro - Quinta feira

Depois de um ano e oito meses... parei de amamentar a Maria. Isso não tem muito a ver com corrida e treino, mas como tudo na minha vida, foi uma decisão feita com muito carinho e planejamento.

Para as mães atletas, posso passar da minha experiência que treinar não reduziu minha produção de leite. Nem treinar muito!

Para as mães que querem parar de amamentar... o processo é muito mais simples do que nós imaginamos! Bastou pra mim conversar com a Maria, e seguir adiante com minha decisão.

Hoje sinto alívio. Liberdade. Vontade de comer muito chocolate (sem culpa!) Saudades... talvez, mas a certeza de que curtimos muito esse período, e de que estava na hora dessa mudança.

#RosaliaCamargo

© 2017 VAI CORRENDO. Orgulhosamente desbravando as trilhas